Na terra do faz de conta

Padrão

Image Hosted by ImageShack.us
Gostaria de agradecer o Ricardo da Secretaria da Agricultura de SP que deixou um comentario aqui dizendo que o Projeto Cesta Basica nao existe mais desde 2005.

Divulguei esse projeto algum tempo atras no meu outro blog : Brasileirinha
porque recebi um email falando dele, e como nao moro no Brasil achei que ainda existia. Well….como tudo no nosso pais vem da terra do faz de conta, entao registro aqui que nao existe mais infelizmente.
Segue abaixo as palavras do proprio Ricardo.

Ricardo has left a new comment on your post “CESTAS BÁSICAS GRATUITAS!!!”:

“Sou Ricardo, Diretor Técnico do Projeto Vivaleite e trabalho na Secretaria da Agricultura do estado de São Paulo. Tem sido feita a divulgação indevida do projeto cesta básica e afirmo categoricamente que ele não existe mais desde 2005. Por isso, quando receberem esta mensagem, peço a gentileza de repassarem reforçando que as informações sobre o projeto cesta básica divulgadas na internet, não são verdadeiras.”

Atenciosamente
Ricardo

Quem souber de algum projeto para ajudar a populacao carente que esteja funcionando nesse pais e quiser que eu divulgue pode me enviar um email que nos vamos divulgar e ver se ainda existe ou tbm entrou para o livro das carochinhas.

Encontrei esse projeto que tem um video muito interessante e acredito estar em pratica ainda nos dias de hoje, inclusive andei perguntando se aqui no Hawaii tinha esse recurso e me disseram que nao, vou procurar me informar nos hospitais daqui, pq acho isso pra lah de importante, mesmo porque aqui tem familias que adotam bebezinhos e nao tem como dar o leite materno.
Apesar do povo americano ter uma mete tao fechada a respieto de amamentacao, eu vou atras disso.

Eis mais um projeto que estava indo por agua abaixo, mas que deu uma levantada:

Defensoria Pública retoma atendimento à população carente

Publicada em 04/08/2008 às 15h47m EPTV – Globo.com

SÃO PAULO – O atendimento da Defensoria Pública do estado de São Paulo voltou ao normal depois de mais de 20 dias de paralisação, provocada por um impasse entre a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a instituição, que comprometeu mais de mil atendimentos somente na região de Campinas. O atendimento foi normalizado tanto nas sedes da Defensoria, quanto nos escritórios da OAB.

O contrato de dez anos entre a Defensoria e a OAB foi rompido no dia 14 de julho, porque não houve acordo para o reajuste salarial. Em todo o estado de São Paulo, cerca de 47 mil profissionais deixaram de pegar novos processos.

O atendimento jurídico gratuito à população ficou comprometido e apenas casos urgentes tiveram andamento, mas na quarta-feira (30), a Justiça Federal determinou que o atendimento voltasse ao normal. Nas cidades onde o atendimento estava sendo feito em sistema de mutirão, o serviço será retomado nos escritórios da OAB.

Para saber onde é feito o atendimento, os interessados podem ligar para a unidade central de Campinas, no telefone (0xx19) 3231-9748.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s