Na correria!

Padrão

Porva de meu Deus, affffff que to ateh verde de tanto ficar no hospital! Sai hoje, como assim saiu hoje????
Pois eh, na verdade saimos no domingo, soh que estavamos desconfiados que o Gabi estava com os olhinhos um pouquinho amarelinho, o pediatra fez teste de bilirrubina e deu 13.5 de Jaundice (Ictericia) entao ele disse que estava baixo e que colocassemos o Gabi para tomar sol e logo baixaria.
Pediu um exame de sangue para o dia seguinte e uma visita ao consultorio dele.
Viemos para casa felizes e satisfeitos, na segunda-feira fui fazer o tal exame e depois fui a consulta com o Gabi.

Detalhe: Na segunda-feira levei 3 horas tentando sair de casa com o Gabi, simplesmente eu nao conseguia ter ideia de como sair com um bebe, pode??? eu queria carregar o mundo na sacola, pensava que ele poderia chorar para mamar e o que eu faria?? como assim??? well…aqui como todos sabem, uma mulher amamentar uma crianca na rua eh um escandalo, voce parece uma criminosa, tem que se esconder para dar de mamar, tem que usar uma capa por cima para se cobrir, e ainda corre o risco de estar amamentando em um estabelecimento que o dono peca para voce se retirar, tamanho eh o absurdo!! Isso me emputesse.

Voltando a novela da semana:
Depois de 3 horas em casa sai nao sai, colocar o Gabi no assento no carro e dirigir tremendo feito vara verde, nao sei porque toda essa paura, mas depois de 11 anos perdi totalmente a pratica🙂 chegamos ao laboratorio e foi ai que comecou a novela.

Primeiro a mulher furou o pezinho do Gabi e coletou o sangue de gotas, simmmm dois vidrinhos de uns 3 cm cada que pareciam uma eternidade, pq o Gabi gritava e ela expremendo o pezinho dele para pegar de gota em gota, foi uma tortura.
Saimos de lah e fui ao consultorio, o pediatra examinou o Gabi, deu a primeira dose de vacina de Hepatite B e me disse que o Gabi precisava voltar naquela tarde mesmo para o hospital para fazer fototerapia porque o nivel da bilirrubna tinha aumentado de 13.5 para 19. Ele estava na escala de risco. O que isso significa? Como a Ictericia estava aumentando muito rapido se chegasse no nivel 30, poderia causar danos ao cerebro dele.
O pediatra ligou para o hospital e providenciou tudo enquanto eu me dirigia para lah, sai de lah triste, preocupada, nervosa, cansada, liguei para o Frank e avisei que encontraria ele no hospital.
Ao chegar lah, tiraram imediatamente a roupa do Gabi e colocaram ele na encubadoura com aquele monte de lampadas emcima e disseram que ficariamos por 24 horas ou ateh baixar o nivel. O pior para mim foi ter que deixar o Gabi lah e ficar num quarto separada, porque assim as enfermeiras monitoravam o tempo todo.
Nossa eu me acabei de chorar, nao sei se foi depressao pos parto ou foi estress pos parto, porque veja bem…eu tinha tido o Gabi na quinta-feira, tinha saido do hospital no domingo, nem tive tempo de me restabelecer e lah estava eu que nem doida no hospital tendo que amamentar meu filho de 2 em 2 horas para que ele pudesse fazer bastante coco, porque soh assim isso sairia nas fezes e ele se recuperaria mais rapido. Nao dormi nada, parecia uma vaca no meu quarto com essas bombas eletricas de tirar leite nos dois peitos, para ajudar a alimentar o Gabi, eu amamentava ele no peito e quando terminava a enfermeira empurrava mamadeira abaixo para alimentarmos ele o maximo que pudessemos. Imagine o tamanho do estomago dele, que eh pequenininho ter que tomar leite dos dois peitos e ainda mamadeira com uns 15oz.?
Eu soh chorava, porque ver aquele monte de enfermeiras o tempo todo medindo a temperatura, com aparelhos medindo a cor da pele dele, verificando olhinhos, aumentando a temperatura das lampadas e ele lah dentro soh de fraldinha, com uma temperatura de 32 graus! affffffff eu nem podia abracar ele, ficar deitada com ele, nada soh tocar para amamentar e assistir o resto.
Sorte que as enfermeiras sao muito legais, tem muito sentimentos e mandavam eu amamentar o Gabi sem blusa para ele poder sentir minha pele, para termos um contato melhor e assim o ajudaria a mamar melhor.
Soh sei que no quarto que fiquei virou minha casa, o Frank chegou com o Rapha e dormimos os 3 no hospital, gracas ao feriado do dia dos Veteranos o Frank e o Rapha nao tinham escola e ai podemos passar o dia juntos, eu na esperanca que iriamos embora a tarde.
E ai chega o medico e diz que eu teria que ficar mais um dia porque o nivel havia baixado para 15.7 mas ainda nao estava num nivel seguro para que pudesse levar o Gabi para casa, porque o nivel poderia subir rapidamente.
Entao o Frank e o Rapha tiveram que vir para casa e me transferiram para um quarto onde colocaram o Gabi junto e ai passei a noite toda assistindo ele, acho que depois de 28 horas o Gabi tava tendo muita paciencia, mas chegou uma hora que ele nao deixava mais os oculos no rostinho, aqueles oculos pretos que colocam nos olhos para nao queimar as vistas e nao causar danos a retina.
Eu nao podia dormir um segundo, porque o Gabi arrancava os oculos, ora estava na boca, ora estava tampando o narizinho dele, hora estava no pescoco e assim foi a noite inteira sem dormir, eu nao queria deixar ele com as enfermeiras, eu queria ele comigo, entao eu aguentei e os ultimos dois dias para mim tiveram 48 horas sem eu poder dormir, porque quando eu podia quando o Frank estava comigo, eu soh chorava e estava de 2 em 2 horas amamentando e tirando leite, e depois sozinha com o Gabi ai eh que nao dormi mesmo.
Hoje cedo ele fez exame de sangue e o nivel estava 13.5 novamente, entao o medico pediu para que ei ficasse ateh as 3 da tarde no hospital para o Gabi continuar na fototerapia e depois iriamos para casa, mas amanha cedo ele terah que fazer exame de sangue novamente e teremos consulta com o pediatra.
Ele tambem recomendou que colocasse o Gabi para tomar sol pela manha e a tarde ateh o nivel chegar em 10.
Nisso tudo o Gabi perdeu somente 300 gramas, coisa normal nos bebes apos o nascimento, nao sei como ele aguentou fazer tanto coco durante os ultimos 3 dias.
Fora que ele fez cirurgia de fimose dois dias apos o nascimento, porque aqui jah fazem isso antes do bebe ir para casa, todos os bebes meninos jah saem do hospital com cirurgia de fimose feita.
Entao era uma tortura mexer na fralda, quando ele fazia xixi ele chorava porque ardia.
Os ultimos 3 dias nao foram faceis, mas Gracas a Deus estou em casa e ele estah bem, vamos rezar para que amanha os exames sejam baixos, que pelo menos nao tenha aumentando em nada.
Ahhh…detalhe: No hospital o acesso a internet eh bloqueado, entao nao conseguia mandar noticias para ninguem.
O que me confortava era ver a calma do Frank me acalmando e dizendo que tinhamos que agradecer por ser apenas um banho de luz que ajudaria o Gabi, e quantas criancas estavam com problemas maiores sem solucao. Eu parava, pensava e rezava, porque o problema era simples mas o medo do dano que me apavorava. Causar danos ao cerebro nao eh brincadeira. Eh incrivel como nos abalamos com qualquer coisinha em relacao aos nossos filhos.
Mues peitos estao enormes, doloridos pra k7, quando o Gabi pega eu vou nas alturas de tanta dor, mas durante esses dias jah tenho aguentado mais por saber que quanto mais eu alimenta-lo mais rapido ele sara.
Fico feliz de ver que ele nao chora para nada, eh uma crianca quietinha, quando estah com fome ele abre os olhinhos, se movimenta, abre a boquinha e comeca a procurar o peito. Quando estah de fralda trocada, e alimentado, fica no berco ou dormindo ou quietinho, mas nao fica chorando como muitos bebes.
Eu realmente tenho muita sorte com meus filhos.
Minha casa estah por conta do Frank e do Rapha, porque eu mesma nem se quer tenho tempo para nada, o baby shower foi transferido do sabado passado para esse sabado, chegaram alguns presentes e eu nem vou abrir porque deixarei p abrir tudo no sabado quando o pessoal estiver aqui.
A mama estah vindo amanha e vai ficar ateh domingo para me ajudar. Depois te todos esses dias zanzando feito barata tonta, hoje passei o dia com dor nos pontos que levei apesar de ter sido parto normal, tomei remedio para dor.
Os peitos parecem que vao explodir, tem horas que nao aguento de tao doloridos, o Gabi nao mama o suficiente para esvazia-los. As vezes sinto algumas partes mais duras que vao ateh embaixo do braco, tomo banho quente, faco massagens pra dissolver isso, tenho pavor de empedrar.
Anyway…estou feliz demais por ter meu filhote aqui conosco, esse probleminha do Gabi vai passar se Deus quiser.
Estamos aqui na sala, vendo Tv e o Gabi no colinho do papai e chamegando com Raphinha. Nada como nossa casa para nos confortar, afffffff!

Estou rezando para a gatinha da Jo ir logo para casa, para que ambas possam curtir a vidinha de mae e filha, e que a Jo possa descansar tbm. Nao eh facil sair do hospital e ter que deixar o filho para tras.
Espero o parto da Elis tenha corrido tudo bem e que ela esteja se recuperando bem.

Homenagem a nós

Que vida louca levamos nós, mães modernas, mães do século 21, mães de filhos únicos, ou de muitos filhos que se tornam únicos pelo pouco tempo que conseguimos ter para cada um…
Que vida louca temos nós, que acordamos ao raiar do dia e saímos para o trabalho delegando a outras, que em casa deixam seus filhos também, que sejam as mães que nossos pequenos não tem …
Que vida louca temos nós que somos mães por telefone em tempo integral, que fazemos de nosso horário de almoço um momento para checar a lancheira, arrumar uniforme, fazer “Maria chiquinhas” e ter tempo de lembrar as antigas mães e mandar seu filho escovar os dentes…
Que vida corrida temos nós, cheia de horários marcados com momentos de ser mulher, mãe, amiga, esposa, profissional, namorada… somos muitas e as vezes não conseguimos ser tudo…
Vivemos uma rotina que rotina mesmo quase não tem , pois o dia é sempre um mistério para aquelas que tem filhos, afinal nunca sabemos se o dia que começou é o dia marcado para a dor de garganta chegar, ou para a prova surpresa de matemática, ou para briga com o amiguinho na escola, ou para pesquisa sobre o relevo que ele esqueceu de te avisar…
Sabemos apenas que vivemos assim….
Acordar… trocar de roupa para o trabalho, esperar pacientemente que sua secretária do lar não falte, olhar seu filho dormindo por mais alguns minutos e ter vontade de ficar com ele só por hoje um dia inteiro, sair de casa, despedir-se do filho e dar muitas ordens a empregada que a deixam perdida… ir para o trabalho, ser profissional, ser mulher moderna, ser guerreira, lutar pra vencer, fazer a diferença no mundo profissional…
Ligar ao longo do dia para marcar pediatra, fugir correndo do serviço para assistir a apresentação da escola no dia das mães, procurar alguém para buscar seu filho na escola porque hoje apareceu uma reunião e não tem como ir, e sempre acabar contando com a sua mãe para te fazer esse eterno favor…
Correr, preocupar-se, desdobrar-se vencer o dia, e ainda chegar em casa checar a tarefa, supervisionar o banho, fazer mil e uma perguntas sobre o dia de seu filho, sentir-se culpada por não ser mais presente, brincar, dar atenção, cantar uma música, ler uma história, assistir pela bilionésima vez o filminho da Disney e acabar adormecendo ali, na caminha de solteiro ou do lado do berço, cansada, mas realizada por ter sido por mais um dia MÃE..

»

  1. Sandrinha…No aconchego de casa seu baby vai ficar 100%.Filho é padecer no paraíso, tudo é motivo de preocupação. Aqui sinto-me dividida, sempre penso que estou fazendo pouco.Beijocas.

  2. SandrinhaVamos la a uma receitinha caseira para seus peitos inchados melhorarem.Isto e receita da minha avo e toda familia fez e faz.Fiz na minha filha quando teve meu neto.Pegue um vasilha de plastico e encha com agua quente.(toleravel)Pegue uma toalha de rosto, mergulhe na agua por alguns segundo e torca um pouco, nao muito.Envolva ao redor do seio e deixe uns 2 minutos. (nao deixe encostar na aureola e nem no bico do seio)Repita, algumas vezes, o leite vai desempedrando, e vai comecar a vazar muito leite.Se vc puder colocar o Gabriel para mamar, otimo.Senao, tire na maquina, que rapidamente, vai sair o leite, sem dor.Faca isto, 3 a 4 vezes ao dia, evita ingua e as dores terriveis.Beijinhos

  3. SandrinhaQue bom o Gabriel, receber esta atendimento rapido e eficiente.E a primeira vez que vejo a ictericia, tomar proporcoes maiores.E mais comum nos prematuros.Meu neto teve, mas com os banhos de sol matinais, resolveu.Mas, vcs, estao em casa, Gabriel e uma anjinho mesmo.Beijinhos, estimo melhoras.Fiquem com Deus.

  4. Sandrinha, agora depois da fototerapia e com esse monte de leite e de carinho o Gabi vai ficar bem rapidinho!!! Foi so pra dar um susto na mamy dele!!!Melhoras pra vc querida!!!Beijos, Dani

  5. Sandrinha querida, fique tranquila, que o Gabriel vai ficar bem, e você vai poder dormir tranquila.Estamos todos rezando por ele.Isso é coisa que acontece com recém-nascidos, mas ele vai ficar bem.Um beijão prá vc e prá ele.

  6. Sandrinha, meu filho mais velho tb teve icterícia, mas não foi tão forte.Que sufoco passaste! Ainda bem que deu tudo certo.Não deixa empedrar teu peito, tira o excesso de leite. O meu empedrou, tive febre, tomei antibiótico e tive que desmamar com apenas 45 dias. Acho que foi uma perda para meu filho e muito dolorido pra mim.Espero que logo passe essa fase e vcs fiquem bem.Bjim.

  7. Sandrinha, primeiro, parabens pela chegada do Gabriel. Fique tranquila que ele vai ficar bomzinho rápido. Isso é comum acontecer. Um bom fim de semana pra familia. Bj

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s